HISTÓRIA DE BUDA PARA CRIANÇAS

Postado por Norma Villares


A HISTÓRIA DE BUDA


"Essencialmente todos os seres vivos são Budas, dotados de sabedoria e virtude, mas como a mente humana se inverteu através do pensamento ilusório, não o conseguem perceber."
- Siddhārtha Gautama -

Buda nasceu em uma família real, em 624 a.c., na India, e seu nome era Principe Siddhartha.
Principe Siddhartha era uma pessoa muito compassiva. Toda a vez que via pessoas sofrendo de doenças, imediatamente ele rezava por elas.Toda a vez que via pessoas sofrendo por causa da velhice, imediatamente ele rezava por elas.Toda a vez que ouvia falar de pessoas que haviam morrido, imediatamente ele rezava por elas.

Porque a mente de Siddhartha era completamente pura, ele frequentemente via, em todas as direcções, muitos Budas iluminados. Quando tinha 29 anos de idade, Siddhartha teve uma visão de todos os Budas das dez direcções, que falavam com ele ao mesmo tempo, dizendo:
" Ó Siddhartha, anteriormente você prometeu se tornar um Buda Conquistador para ajudar directamente todos os seres vivos que estão aprisionados no ciclo de vidas infelizes. Agora é a hora de você fazer isso."
Imediatamente, o príncipe foi até seus pais e disse a eles:
" Eu desejo ir para um lugar tranquilo na floresta, onde eu possa treinar em meditação profunda e conquistar a plena iluminação rapidamente. Uma vez que eu tenha conquistado a iluminação, darei felicidade a todos os seres vivos, especialmente vocês. Portanto, agora estou pedindo sua permissão para deixar o palácio."
Quando os pais ouviram isso, ficaram chocados. O rei se recusou a dar permissão, dizendo:
"Isso é impossível."
O Príncipe Siddhartha disse a seu pai:
"Pai, se você puder me libertar dos problemas da raiva, ignorância e inveja para sempre, eu ficarei no palácio, mas se você não puder, devo partir e tornar a minha vida humana significativa."

O rei tentou muitas maneiras de impedir seu filho de deixar o palácio. Na esperança de que o príncipe mudasse de ideia, o rei reuniu muitos cantores e dançarinas para diverti-lo. Para evitar que o príncipe fugisse escondido, o rei colocou muitos guardas em volta das muralhas do palácio. No entanto, a determinação do príncipe em deixar o palácio não foi abalada. Uma noite , ele usou seus poderes miraculosos para lançar os guardas e todas as pessoas do palácio em um sono profundo e então, fugiu do palácio com a ajuda de um amigo.

Siddhartha foi para um lugar perto de Bodh Gaya e ali ele encontrou uma caverna adequada para sua meditação, onde praticou principalmente uma meditação chamada "concentração semelhante-ao-espaço", concentrando-se na verdade última de todos os fenómenos. Depois de treinar nessa meditação por seis anos, Sidhartha percebeu que estava muito perto de conquistar a plena iluminação. Então, ele andou até Bodh Gaya, ond se sentou em postura de meditação, sob a Árvore Bodhi, e prometeu não sair da meditação até alcançar a plena iluminação. Desse modo, ele entrou na concentração semelhante-ao-espaço, concentrando-se na verdade ultima de todos os fenómenos.

Ao anoitecer, o espírito de Devaputra , o chefe de todos os demónios deste mundo, tentou perturbar a concentração de Sidhartha, conjurando muitas coisas assustadoras, como demónios terríveis : alguns, atirando lanças, outros, disparando flechas ; e outros, jogando pedras nele.

Siddhartha, entretanto, permaneceu completamente imperturbável. Pela força de sua concentração, as lanças, as flechas e as pedras apareciam para ele como uma chuva de flores perfumadas. Dessa maneira, Siddhartha conquistou todos os demónios deste mundo e, por essa razão, ele agora é conhecido como "Buda Conquistador".

Siddhartha, então, prosseguiu com sua meditação até ao amanhecer, quando, por meio de sua concentração , removeu totalmente até a mínima aparência equivocada de todos os fenómenos de sua mente e se tornou Buda, um ser plenamente iluminado. Não há nada que um Buda não conheça. A razão disso é que Buda despertou do sono da ignorância e removeu de sua mente todas as obstruções da aparência equivocada e os pensamentos obstrutivos, que são semelhantes a nuvens. Buda conhece tudo sobre o passado, o presente e o futuro, directamente e ao mesmo tempo.

Buda tem compaixão por todos os seres vivos, sem excepção. Por isso , ele beneficia todos os seres vivos, sem discriminação, fazendo várias coisas aparecerem por todo o Universo e abençoando suas mentes. Aos poucos, por encontrar um Guia Espiritual como Buda, todos terão a oportunidade de obter a libertação do sofrimento e a suprema felicidade da plena iluminação. De tempos em tempos, por receber as bençãos de Buda, todos experienciam uma mente pacifica, e quando suas mentes estão pacificas, eles são verdadeiramente felizes, mesmo que suas condições exteriores sejam pobres. Por isso, Buda é fonte de nossa felicidade pura.

Quarenta e nove dias após Buda ter alcançado a iluminação, os deuses Brahma e Indra pediram a ele para ensinar, dizendo:
"Ó Buda, Tesouro de Compaixão,
Os seres vivos são como cegos, em
constante perigo de caírem em reinos inferiores.
Além de ti, não há outro protector neste mundo.
Por essa razão, rogamos a ti, por favor,
deixa a tua meditação e gira a roda do Dharma."


Como resultado desse pedido, Buda deu seu primeiro ensinamento, chamado "As quatro Nobres Verdades", em um lugar chamado Varanasi. Depois, na montanha do Bando de abutres, ele deu ensinamentos sobre a Perfeição de Sabedoria. Porque as pessoas têm capacidades diferentes para entender e praticar ensinamentos espirituais, Buda deu, motivado por sua compaixão, muitos níveis de ensinamentos, do mesmo modo que um habilidoso médico prescreve diferentes remédios para tratar diferentes tipos de doentes. Buda deu 84 mil diferentes tipos de ensinamentos e, dessa forma, seus preciosos ensinamentos permearam o mundo inteiro.

Se ouvirmos e praticarmos continuamente os ensinamentos de Buda, poderemos manter a mente pacifica o tempo todo e, assim, poderemos ser felizes o tempo todo.

Este texto foi encontrado no livro "A História de Buda- Budismo para crianças", de  Geshe Kelsang Gyatso.


Sempre que leoi sobre o Buda, o Meu Coração Se Alegra.

__/\__  Namaste!

Bom dia flores do dia!

1 comentários:

  1. RENATA DA CIGANA MORGANA disse...

    Acho lindissimo!!Amo essa busca pelo sagrado,ele alcançou o prana...é assim que chama?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Caminheiros Evolutivos

Muito obrigada pela sua presença iluminada

Muito obrigada pela sua presença iluminada